bc

Estudar é um caminho seguro para o sucesso! 

FOGÃO A LENHA

O sabor da comida da roça.

Administração  Agropecuária  Brechó  Contos  Culinária Cultura   Downloads grátis  Eletrônica  Esotérico  Esportes Genealogia Idiomas   Links  Loteria  Notícias Petróleo Saude  Solidariedade  Teatro 
agricultura   agroecologia   agroindústria   agronegócios   Apicultura  Aves domésticas  Avestruz  Biogás  Camarão   Codornas  Compostagem  Ervas medicinais  Fogão a lenha  Hidroponia  Horta  Incubadora  Pavão e Faisão  Piscicultura  Queijos  Ranicultura  Tomate seco

FOGÃO À LENHA

O fogão primitivo era formado por um pequeno buraco no solo onde se acendia o fogo e se colocavam as panelas; a descoberta de que o fogo aberto tinha mais força, levou a utilização de pedras como suporte para as panelas, ou os próprios troncos a arder. Já usado pelos índios Timbiras e Tupi-guaranis, o fogão de lenha, era um fogo no chão protegido por pedras. Sobre elas se assentavam as vasilhas de barro.

 

Mais tarde, o homem aprendeu a construir fogões de barro e mais tarde de metal, que eram mais eficientes que os anteriores. No entanto, este tipo simples de fogão ainda é utilizado, principalmente pelos pobres em todo o mundo, mas mesmo os menos pobres ainda preferem este tipo de fogão – muitas vezes chamado fogareiro – para certo tipo de cozimento, principalmente os grelhados quando não possuem uma churrasqueira.
No Brasil as cozinhas nordestina e mineira tem pratos que só devem ser feitos na lenha.


COMO FAZER UM FOGÃO À LENHA
Seguindo o esquema do fogão aprimorado pela Emater. Não há perigo de errar.
Veja abaixo o material necessário:
.    • 500 tijolos
.    • 1 saco de cimento ( 50 kg)
.    • 118 litros de cal em pó
.    • 200 litros de areia média
.    • 85 litros de brita zero
.    • 320 litros de terra argilosa
.    • 1 forno de chapa (50x35x35cm)
.    • 1 chapa de ferro fundido ( 3 furos, reduções e tampas)
.    • 6,16 kg de chapa de ferro 16 dobrada
.    • 1,50 kg de ferro-cantoneira 1 ¼ (1m)
.    • 450 g de cano galvanizado 3/8
.    • 15 cm de caibro (4x8)
.    • 4 m de ripa (1x4)
.    • 200 g de prego
.    • 10 kg de ferro 3/16 (para concreto)
.    • 15 cm de arame farpado

1º Passo:
 fogao
As lajes de concreto, com espessura de 4 cm, devem ser feitas com 8 dias de antecedência. As lajes  A e B são com os ferros para concreto, e as C e D com arame farpado. O vazio da laje D será do mesmo tamanho da chapa de ferro. Deixe dentes nas bordas, para a chapa não ficar ressaltada, e folga de 0,5 cm em volta da chapa, para dilatação. Pregue nos cantos pedaços de ripa para  que o esquadro não fuja. Prepare o local da construção
2º Passo:
 fogao
Assente os tijolos até a sétima fiada. No respaldo da sétima fiada espalhe argamassa e assente as lajes A e B, com as faces na posição que foram moldadas. Observe o vazio onde ficará  a grelha .
3º Passo :
 fogao
Disponha os tijolos em cima das lajes. Os tijolos da grelha, em espelho, ficam separados 1,5 cm um do outro. E também nessa fase que se pode assentar a serpentina para aquecimento de água .
4º Passo:
 fogao
Chumbe ferros-cantoneira na parede do fundo da caixa do forno, que colocada como uma gaveta, correndo nas cantoneiras. Deixe 7 cm por baixo do forno. Fornalha: deixe 33 cm para a largura da fornalha, assentado os tijolos das laterais a 16,5 cm de cada lado do eixo longitudinal. Os tijolos são assentados em espelho , formando paredes duplas (com vazio de 2,5 cm) nas laterais. Para melhorar a armação, assentar tijolos cortados em sentido transversal .Faça revestimento interno para a combustão. Faça inclinação nas laterais internas, estreitando o fundo da fornalha para a largura da grelha. Para a argamassa use 18 litros de terra argilosa e 1,8 litros de cal em pó .
5º Passo:
 fogao
Para a chaminé assente os tijolos em espelho, com abertura interna de 15x15 cm. Encha com terra, compactando, até 10 cm abaixo da conexão metálica. Dê acabamento cimentando sobre a terra, e deixe furo para a água de chuva. Conecte a chaminé com a caixa do forno, arrematando na peça metálica com a mesma argamassa do item anterior. Continue a construção por mais 2,8m, e faça um chapéu de proteção contra a chuva.
6º Passo:
 fogao
Os gases quentes são mais leves que o ar externo e, ao subir pela chaminé, causam uma depressão no interior do fogão, que suga novo ar pelo cinzeiro, em continua entrada de ar.

Links recomendados: Educação, EletrônicaGenealogia, Informática, Petróleo, Restaurante, Solidariedade, Teatro